Taaaania @ 13:45

Seg, 24/11/08

O casamento foi no sábado. Tudo muito lindo. Noivos lindos e muito simpáticos. Tâniasinha extremamente bem vestida e sempre modesta para não fugir à regra. Cabelo bonito. Finalmente fui com um penteado de jeito a este género de ocasiões. Muitos motivos para ser invejosa. Primeiro, a quinta tinha 30 000 m2. Meu Deus. A cerimónia foi linda. Nada de muito espalhafatoso, tudo tão bem pensado que até doía. No coro, apenas um piano, um violino e uma cantora lírica. Arrepiava-me de cada vez que eles começavam aquele mini-concerto de Mozart, Bach e Schubbert. Que delícia. Os camarões já estavam descascados e quentes. Maravilha. Ficamos numa mesa bem divertida, deu para rir e para rir. A música foi sempre de altíssimo nível. Deu mesmo para tocar Jeff Buckley e tudo. Lua de mel em Nova Iorque e na Riviera Maia. Quinze dias. Que se pode pedir mais? Não tenho lá eu motivos para já não ter unhas de tanto me roer por dentro?

Ah pois, um primo do meu rapaz dizer-lhe que não arranjará uma noiva mais bonita do que eu e, portanto, não vale a pena continuar o inevitável. 

Eu cá continuo na mesma. Como a lesma. À espera. tchiiiiiiiiiiiii. Pronto, eu não quero casar. Mas toda a gente próxima está a casar. E isso dá que pensar de vez em quando. Mas eu não vou casar. Por enquanto, pelo menos.

 

 

 




Taaaania @ 10:44

Dom, 27/07/08

Contras:

* O jogo na segunda parte foi bem entediante. Abri a boca nem sei quantas vezes!

* O Lisandro falhou demasiado. Não é costume. Fez-me arrepios.

* A chavala que estava à minha frente passou o jogo todo a olhar para mim.

* Não vimos o Hulk a transformar-se num monstro verde. Fiquei desiludida.

* Ele sempre a insistir que o raio do jogador se chamava Sapunáru e não Sapunarú. Não aprende o raio do moço.

* Os nossos vizinhos do lado que insistiam: acha que é o Miccoli ou o Simão?

* O Quaresma mais tristonho dos últimos tempos.

* O facto da surpresa não ter sido nenhuma. Bem, atendendo ao facto que poderia vir o Simão, ainda bem que não houve nenhuma surpresa. Eu acho que não conseguiria dar-lhe um aplauso que fosse.

* A sande de delícias do mar tinha bocados de cebola. Eu detesto cebola.

 

Prós:

* Ficamos num lugar bem bom;

* O tempo ficou bastante agradável;

* Demorei apenas 10 minutos a sair do estádio, ainda sem perceber bem como;

* Já houve gente que valeu a pena ver: Sapunaru estava em todas; ao contrário das más línguas, o Mariano correu muito; Lucho já está enorme; Lino parece com ganas para agarrar um lugarzito, e não é que o moço até chutou umas coisitas de jeito? O cebola já mostra grandes potencialidades, ainda vai render muito dinheirinho (lol)

* Comprei duas t-shirts bem giras, melhor, ofereceram-me duas t-shirts bem giras - ele estava muito generoso, pasmem-se...

* Foi uma tarde / noite bem passada. Ah pois foi. Mas, ao fim e ao cabo, parece que perdemos.

 

 

 

 




Taaaania @ 11:50

Sab, 12/07/08

Hoje é dia de rambóia. Não fosse hoje dia da S. se despedir do mundo das solteiras. Saberá ela naquilo que se vai meter?!?!

Pronto, se virem um grupo de gajas, muitas gajas, algures pela noite do Porto, já que não posso dizer directamente para onde vou, a noiva desconhece por completo o programa que a espera, podem vir ter comigo. Eu sou fácil de descobrir, tenho mesmo cara de Tânia!

 

Pronto, só não acho bem que o programa de ser atendidas pelos gajos nús tenha sido abandonado... Mas isso já são outras conversas...

 

 


Tags: ,


Taaaania @ 22:34

Qua, 13/02/08

Não sei o que vos deu esta tarde. Saí  descansada a pensar que ainda viria a tempo de fazer um post comemorativo dos 20 000 visitantes. Chego e a marca já passou. Pronto, tenho a dizer-vos que não correu bem. Nem sabem o que perdem. Agora que eu ia dar o meu número de telemóvel ao feliz contemplado, a possibilidade de me darem um beijo virtual, um encontro escaldante no escurinho do cinema, quem sabe se não cometeria a loucura de oferecer uma foto minha em topless na praia, com uma dedicatória escaldante... Sendo assim, fica para a próxima... Obrigada e voltem sempre!

 

 

 

Naaaaaaaa. Pronto, já que comecei, 'brigadinhos por passarem por cá. Estive a fazer contas (eu sei, riam-se...). Se eu dedicar, em média, 10 minutos a cada post que faço, tendo eu 165 posts, daria 1650 minutos, que em horas faria... pronto, é fazer as contas... que a calculadora está no quarto e daqui lá são uns bons 10 passos! Mas valeram bem a pena todos estes minutos. Para todos aqueles que ainda têm paciência para passar por cá... Procurem ajuda médica. Se não for crónico, ainda podem ir a tempo de curar... Para aqueles que cá vêm parar de pára-quedas, através dos vídeos travesti do google (não sei porque é que vem cá tanta gente parar com esta pesquisa... nem sequer me lembro de alguma vez ter falado de travestis, muito menos de vídeos, mas o google é que sabe... ah pois é!), desculpem qualquer coisa. E continuem nessas pesquisas. Ides no bom caminho!!

 

 

 

 

 




Taaaania @ 21:31

Seg, 04/02/08

Por um lado, até percebo a ideia. As pessoas compram umas roupitas, ou reutilizam uns trapos que tenham lá para casa, dão umas pinceladas nos beiços e toca a andar para a folia. Põem os seus melhores sorrisos, dançam um bocado e fingem que são felizes. Entretanto, emborcam mais umas mines, engatam um Diabo ou uma Fada, e naquelas horas mais chegadas nada as afecta!

E eu acho bem.

Eu até gosto de festas. Mas não do carnaval. Que não é festa, não é nada. O mundo às vezes já é tão complicado, as vidas já são tão intensas e preenchidas que pensar em vestir ainda mais uma pele por cima de todas as que já uso todos os dias, só me serviria para fazer peso.

Reparem se não é verdade: é a pele que vestimos para aturar aquelas pessoas que cruzam as nossas vidas; é a pele que visto logo de manhã para me suportar, a mim e ao meu mau feitio; é a pele que visto para me mostrar bela aos outros; é a pele que não visto mas que deveria vestir... Já são tantas peles, mas tantas... Gostava era de, por vezes, e só mesmo por vezes, arrancar estas peles todas e ficar nua. Nua de preconceitos, de defeitos ou de cansaços. Preciso de comprar paciência. Para os outros. Mas sobretudo para mim.

 

 

P. S. Momento alto destas festividades de Carnaval: na sexta-feira, a J. mascarou-se. O pai da M. disse-lhe: sim senhor, que linda bruxa! Resposta da J, com uma cara que metia medo: Não é bruxa, é mágica...

 

Onde perdemos nós estes olhares?!

 

 




Taaaania @ 17:12

Qui, 27/12/07

Lembram-se do Wally? O pessoal da minha idade, nascidos nos maravilhosos anos 80 lembram-se de certeza... Por isso, procurem-no! (não se esqueçam de clicar na foto para a ampliar!)

 

 

 

 

Para além de ser uma bela maneira de passar o tempo, não foi apenas por isso que cá coloquei a foto. Tudo tem razão de ser, né? E olhem que o Wally não é esta moça aqui da frente que está com o algodão doce, ok?

 

 

 

 

É mesmo porque se avizinha a época mais deprimente de todo o ano. É verdade. O ano novo. Porque é que não se pode comemorar como uma outra qualquer véspera de feriado? Não sei!!! Mas para mim é apenas isso: mais uma véspera de feriado, onde alguns fingem ser felizes e os outros os tentam acompanhar!

 

 

O Natal, esse gajo fixe, ainda é simpático... Há presentes, a família reúne-se e teoricamente nesse dia pensa-se um bocadinho nos outros, para além de se comemorar o nascimento de outro gajo porreiro, o Jesus (ai se a minha mãe via isto!)

 

 

 

 

O Reveilhão não... Para mim não tem ponta por onde se lhe pegue! É tudo caríssimo, o pessoal nas estradas fica louco nesse dia, anda tudo bêbedo (pronto, um copito também descontrai e tal mas tudo o que é demais...), não tenho roupa especial para essas ocasiões, o que para mim seria uma dor de cabeça ter de arranjar à última hora um trapito especial, e depois sentir-me obrigada a andar com um sorriso colgate mesmo que tenha a alma negra...

 

 

 

 

Naaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa...

Eu passo!

 

 

 

 

 

 

 

 



mais sobre mim
Abril 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


Pessoal porreirinho que já pôs cá os pés
Córaxão?!
Estão nem mais nem menos do que...
online
subscrever feeds
blogs SAPO